O VLT do Subúrbio possui um design moderno e aerodinâmico, com estrutura que permite acessibilidade e visão panorâmica das belezas da região. Essas e outras características do veículo foram apresentadas nesta quinta-feira, 08, em uma transmissão online feita entre os fabricantes chineses da BYD, a Skyrail Bahia e o Governo do Estado.

Classificado como veículo leve de transporte do tipo monotrilho, o modal segue agora para fase de testes e a previsão é de que chegue a Salvador em janeiro de 2022. O VLT do Subúrbio é fruto de uma parceria público-privada entre a Skyrail Bahia, empresa responsável pela implantação e operação do VLT, e o governo estadual.

A apresentação do VLT foi transmitida nas redes sociais do governo da Bahia e nas contas do Facebook e Instagram do governador Rui Costa. Além de assistir o equipamento em funcionamento ao vivo, o público pôde conferir um vídeo de apresentação com detalhes da composição.

 

O VLT possui portas com 1,60 metro de largura e permite ampla acessibilidade às pessoas com mobilidade reduzida. Possui também área para bagagem e assentos personalizados em vermelho e azul, cores que homenageiam a bandeira da Bahia. Para ampliar a segurança, todo o percurso será monitorado por circuito fechado de câmeras.

Outro destaque é o conforto: o VLT funciona no formato de monotrilho e possui suspensão a ar, algo que assegura uma viagem tranquila e sem solavancos. Para os passageiros, será a oportunidade de aproveitar a vista panorâmica acessível por meio das amplas janelas laterais. O mar e as belezas do Subúrbio servirão de cartão-postal em um roteiro para baianos e turistas.

Cooperação internacional
O governador Rui Costa fez questão de ressaltar que o VLT do Subúrbio simboliza uma importante parceria internacional para modernização do transporte urbano. “Após colocarmos a Bahia como segunda extensão de metrô do Brasil, agora damos um passo largo para a modernização com esse veículo moderno que substituirá um trem que não reunia mais condições operacionais”, comentou Rui Costa.

O evento de apresentação foi mediado pelo diretor técnico da Skyrail Bahia, Alexandre Barbosa. Emocionado por fazer parte desse momento histórico, ele sinalizou que esse é o veículo inicial de uma frota formada por 28. “A finalização do primeiro trem tipo monotrilho simboliza o nosso compromisso em entregar para a comunidade soteropolitana e, principalmente para as pessoas que vivem no Subúrbio, um sistema moderno, seguro, com alta tecnologia e conforto que vai transformar a mobilidade na região”, assegurou.

A vice-presidente da BYD Américas, Stella Li, ponderou que o VLT representa a união entre o antigo e o moderno, o passado e o futuro de uma grande cidade. “Salvador é uma cidade abençoada com belas paisagens, cultura única e inúmeras atrações turísticas. O VLT passará pelas áreas centrais e costeiras da cidade, e na região do Subúrbio irá reduzir o congestionamento urbano e auxiliar no desenvolvimento do turismo”.

Dados da obra
O VLT funcionará com base em 25 paradas em duas linhas. No total, estão sendo investidos cerca de R$ 2,5 bilhões na construção do sistema.

A implantação do VLT do Subúrbio é dividida em duas fases, sendo a primeira a que contempla a construção de 21 estações em 19,2 quilômetros de extensão, com início na Ilha de São João (Simões Filho) e segue até o Comércio. A segunda fase, expande o VLT até a estação Acesso Norte do Metrô de Salvador, com mais cinco estações em 4,08 quilômetros. Clique aqui para conhecer o mapa do traçado.

Mobilidade
Atualmente, um morador de Periperi gasta, em média, 85 minutos usando o ônibus e o metrô para chegar até a estação Acesso Norte. Com a operação do modal, o tempo será reduzido para apenas 29.9 minutos. As viagens terão intervalos médios de 3.6 minutos no horário pico e o sistema poderá transportar mais de 172 mil passageiros por dia.

“Nós temos em torno de 600 mil pessoas que vivem no Subúrbio Ferroviário, das quais cerca de 200 mil se deslocam todos os dias, principalmente em direção à região do Iguatemi ou à região central da cidade. Quem mora em Paripe, por exemplo, pode demorar até duas horas para chegar à Pituba. Essas pessoas terão a opção de fazer esse percurso em 50 minutos de forma segura e muito confortável. Hoje o metrô dá essa oportunidade a 400 mil pessoas que são deslocadas diariamente e o VLT estenderá isso aos moradores do subúrbio”, destacou o secretário de Desenvolvimento Urbano do Estado, Nelson Pelegrino.

Os pontos de parada do novo sistema terão estruturas modernas, leves e vazadas que proporcionarão maior ventilação e iluminação natural. O acesso às paradas será facilitado com obras de infraestrutura no entorno, a fim de garantir acessibilidade e segurança para todos os usuários.

Por ser elevado em relação ao nível do solo, o VLT permitirá a reconexão com os dois lados da linha atual e promoverá maior fluxo de pessoas e veículos, bem como o acesso à praia de forma segura, para os moradores da região e visitantes, que atualmente para ter acesso à praia precisam atravessar a pé por cima das estruturas do antigo trem.

A requalificação urbanística no entorno do modal permitirá mais segurança, acesso e integração entre as comunidades. O conjunto de melhorias será um dos atrativos para fortalecer o turismo e novos negócios na região.

Quem é a Skyrail?
A Skyrail Bahia é uma sociedade formada por uma parceria público-privado da chinesa Build Your Dreams (BYD), gigante global especializada em energia limpa com mais de 25 anos de experiência sólida no mercado, e o Governo do Estado da Bahia. A Skyrail Bahia é a responsável pela criação de uma nova realidade de transporte público, compreendendo a implantação, operação e manutenção do VLT (Veículo Leve de Transporte) do Subúrbio de Salvador.

Confira abaixo a galeria de fotos da cerimônia e de apresentação do trem.